David Copperfield

Se perguntarmos aos brasileiros o nome de um mágico famoso, provavelmente 9 em cada 10 pessoas (no mínimo) citarão o nome de David Copperfield. Com esta fama, David Copperfield dispensa apresentações.

Quem nunca o viu na televisão realizando ilusões como atravessar a muralha da China, fazer desaparecer a Estátua da Liberdade, flutuar sobre o Grand Canyon, escapar de algemas e correntes em uma cela pegando fogo sobre as correntezas das Cataratas do Niágara e tantas outras?

Diferente da televisão, o show deste grandioso ilusionista é uma oportunidade única para que o público possa ver de perto os truques e mágicas apresentados por David Copperfield, no Teatro Hollywood no MGM Grand. Claro que ele não pode recriar todas as mágicas citadas acima em um simples palco, mas de forma semelhante David Copperfield demonstra ilusões incríveis usando objetos e materiais adequados.

Copperfield faz alusão a uma ilusão que ele fez, onde ele atravessou a Grande Muralha da China e, em seguida, explica que ele vai recriar essa mesma ilusão usando uma folha grande de metal indestrutível como o meio através do qual ele vai passar sem esforço.
A chapa é colocada sobre uma plataforma elevada, e Copperfield pede para dois membros da plateia subir ao palco para testá-lo, parr andar nele e bater com um martelo de borracha.
Em seguida, ele se encontra sob o pedaço de metal, e quatro assistentes seguram um lençol sobre Copperfield e a plataforma. Os assistentes giram a plataforma para provar ao público que não há saída a não ser passando pelo metal. Primeiro você vê apenas um dedo cutucando e, em poucos segundos, ele milagrosamente aparece no topo da folha de metal.
Este é apenas um dos truques de mágica incompreensível que ele executa no show. Como o grande ícone dos magos, Copperfield eleva suas ilusões para outro nível de excitação e temor. Em vez de fazer o típico truque da caixa, em que uma mulher é cortado ao meio, ele se tranca em uma caixa que começa a diminuir de tamanho. Ele sorri para o público enquanto move suas mãos e pés e a caixa fica tão pequen que todo o comprimento do seu corpo foi reduzido a meros centímetros.
A caixa fica gradualmente maior e Copperfield salta para o palco, dizendo: “é assim que eles fizeram um mini eu”, antes de passar para a próxima ilusão. Ele integra a sua personalidade casual e cômico em cada ato, resultando em risadas da multidão.
Interação com o público é uma grande parte do show em que ele incorpora uma pessoa escolhida aleatoriamente para quase todas as ilusão. Você pode até mesmo vê-lo fazendo certas mágicas na frente de seu assento, enquanto está na plateia. Em uma das ilusões,, ele pede a uma mulher para se juntar a ele no corredor ao lado do teatro. Ele pede à mulher para examinar um pedaço de papel de seda antes de rolar uma bola e a faz levitar e dançar ao longo de seu braço com o toque de um dedo.
Ao contrário de outros shows de mágica em Las Vegas, Copperfield não implementa programas chamativos com meninas, dança ou sobre os elementos de produção superiores para complementar suas ilusões. Sua mágica tem impacto suficiente para chamar a atenção de todos.
Sua experiência como um mágico remonta de quando ele tinha apenas 12 anos de idade e começou a se apresentar profissionalmente. Naquele mesmo ano, ele também se tornou a pessoa mais jovem a ser admitida na Sociedade dos Mágicos Americanos. A partir daí, Copperfield passou a ministrar um curso de mágica na Universidade de Nova York, quando  tinha 16 anos.
Durante seu primeiro ano na faculdade, Copperfield estrelou o musical Chicago, “The Magic Man”, e como resultado do sucesso do show, ele foi escolhido para sediar o ABC “A Magia do ABC.” De lá, ele criou a sua própria série de especiais com CBS intitulada “The Magic of David Copperfield”. A série foi ao ar em mais de 40 países.
Sua ilustre carreira levou-o ao Guinness World Record, por ter 21 Emmys, e ele tem uma estrela na Hollywood “Walk of Fame”. Além de suas apresentações em Las Vegas, ele faz uma turnê, realizando shows em todo o mundo.
Sua presença como um mágico e a integração na cultura popular, rendendo-lhe até mesmo selos postais, prova que a mágica de Copperfield não tem limites.
Ele mesmo demonstra a sua capacidade de prever o futuro, em um ato onde ele recebe as pessoas da plateia para fornecer números diferentes, que mais tarde ele puxa de uma caixa que ficou pendurado em cima do palco durante todo o show.
Se apenas ter os números no papel não é impressionante o suficiente, Copperfield também revela uma fita cassete com uma gravação de si mesmo recitando os números que ele joga para o público. É um feito surpreendente que encanta a todos. Vale a pena conferir.
Veja David Copperfield com a Vegas Brazil. Clique aqui e reserve já esse show imperdível!
David Copperfield was last modified: by